• Raquel Magalhães

SEXTA DO CHÁ

Atualizado: Mai 12

Ahhhh o chai... Um caso de amor rs. Todos que me acompanham sabem que sempre gostei dessa bebida de origem indiana pela potência de aromas e sabores. Uma bebida aromática, saborosa, com milhares de combinações de ingredientes e especiarias, um conforto para o nosso corpo e mente.

Para o dia confere energia. Para a noite auxilia no relaxamento. E como pode já que os ingredientes são os mesmos? Por conta do Ritmo Circadiano ou Ciclo Circadiano. Circadiano vem do latim circa (cerca de) e diem (dia). É o período de cerca de 24 horas sobre o qual o ciclo biológico de quase todos os seres vivos se baseia. É influenciado pela luz, temperatura, movimento das marés, fases da lua, ventos, dia e noite. Regula a atividade física, química e física e psicológica do nosso organismo, influenciando a digestão e metabolismo, apetite, o estado de vigília, o sono, a regulação das células, níveis hormonais e a temperatura corporal. Com o nascer do sol, nosso corpo entende a necessidade de energia e com a chegada da noite, a necessidade de relaxamento. Estar com o nosso ritmo ou ciclo circadiano alinhado e equilibrado, conseguimos usufruir de todos os benefícios dos ingredientes de alimentação e dos chás e infusões.


IMPORTANTE: Pessoas com sensibilidade a substância teína, que é a cafeína presente no chá (proveniente da planta Camellia sinensis e Erva Mate), podem ter alguma dificuldade para dormir ou interferir na qualidade do sono se ingerir a bebida à noite, próximo a hora de deitar, mesmo que o ciclo circadiano esteja equilibrado. Opte por ingredientes sem cafeína.


O Ayurveda me ensinou que a natureza, assim como a vida, se expressa em ciclos. Conseguindo entender essas variações, podemos tirar um grande proveito para a nossa saúde e desfrutar de inúmeros benefícios. E desde o início dos meus estudos nessa ciência milenar, o Chai era uma bebida frequente.

Hoje já sou formada em Ayurveda e sou Sommelière de chás. Para completar o meu estudo, estou em formação de Yoga. Yoga e Ayurveda são ciências irmãs e complementares para o nosso equilíbrio, assim como o chá. A sintonia entre os três é tão grande que suas histórias remontam há mais de 5 mil anos.


Aqui no ocidente, chai é sinônimo de chá preto com especiarias, leite e açúcar, certo? No entanto, a palavra chai significa “chá” na Índia. Masala significa mistura de especiarias e sempre foi um fator chave da gastronomia indiana. Bebidas quentes feitas com masalas eram consumidas com objetivos medicinais. No fim do século XIX, a combinação dessas especiarias com um chá doce e leite resultou na bebida rica e picante conhecida hoje como Masala Chai. Cada família tem sua própria mistura preferida de especiarias. Cardamomo, canela, gengibre, cravo, pimenta e noz-moscada estão entre os mais escolhidos. Dizem que existem mais de 3 mil variações de acordo com a combinação de especiarias.


É democrática pois pode ser preparada com inúmeras variações de ingredientes ou adaptações de acordo com o seu momento ou estilo de vida. A receita tradicional é feita com leite de vaca, mas, caso você seja vegano ou tenha intolerância à lactose, pode preparar com bebida vegetal (gosto do “leite de amêndoas” por ter a consistência mais parecida com o leite integral, ou de coco que, particularmente, adoro com Rooibos).


Hoje tenho diversas receitas de chai que aplico de acordo com a estação do ano e harmonizo com o momento que estou vivendo ou com a prática de Yoga ou exercício que vou fazer.

INGREDIENTES (rende 1 xícara):

250 ml de leite integral ou de amêndoas

1 col. de chá preto

½ col. de chá de gengibre fresco ou 1 col de café de gengibre em pó

2 cravos

½ col. de chá de canela em pó ou ½ canela em pau

Sementes de 3 bagas de cardamomo

1 col. de café de erva doce

1 pitada de noz moscada moída na hora

2 grãos de pimenta preta ou ½ col. de café rasa de pimenta preta em pó


MODO DE PREPARO: Acrescente o leite em uma panela, todas as especiarias que não estão em pó e o chá preto em fogo baixo. Quando o leite levantar fervura, desligue o fogo e adicione as especiarias em pó e mexa até todos os ingredientes estarem incorporados. Tampe a panela e deixe em infusão por 6 minutos. Coe e sirva.


ROOIBOS CHAI:

É quente, adocicado, reconfortante e deliciosamente picante. Você pode substituir a base de chá preto pelo Rooibos, para uma versão sem teína. Basta substituir o chá preto por Rooibos na receita acima, na mesma quantidade. O modo de preparo é igual.


O chai é democrático! Você ainda pode substituir a base de chá preto por uma versão descafeinada, Chá Verde, Chá Oolong, Chá Escuro, hortelã, Rooibos, HoneyBush, camomila... Qualquer ingrediente de sua preferência para fazer a sua versão. Rosas, casca de laranja, cominho, anis estrelado, açafrão, baunilha, pimenta branca, cúrcuma, alecrim, louro, também são ingredientes que costumo acrescentar.


Para você qual ingrediente não pode faltar no seu Chai? Experimentando algumas das sugestões acima, não deixa de mandar foto pra gente e dizer o que achou ;)


Acessórios utilizados da Tramontina:

Colher medida para chá faz parte do acessório:

Bule Elétrico Tramontina by Breville para Chá com Jarra de Vidro 1,5L 127V

Conjunto de Xícaras para Chá e Café Tramontina em Vidro Duplo sem Alças 2 Peças




73 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Ghee